Fila de passaportes será normalizada em cinco semanas

1700

Segundo a Casa da Moeda, a fila de emissão de passaportes deverá voltar ao normal dentro de cinco semanas. As emissões de passaportes estão acumuladas desde a suspensão do serviço.

As emissões foram suspensas à quase um mês em todo o território brasileiro, a Polícia federal afirma que não haviam recursos financeiros para a emissão do documento. Na sexta-feira dia 12 de julho, a Polícia Federal recebeu cerca de 102 milhões de reais, verba extra que servirá para regularizar esta situação. Apesar da paralização os postos da polícia Federal continuaram a receber as solicitações de emissão do documento, que acabou gerando uma fila de mais de 175mil pedidos.

Para atender pedidos atrasados a Casa da Moeda garante que vai trabalhar 24h por dia durante os sete dias da semana à partir de segunda-feira dia 24 de julho.
As entregas serão feitas por ordem cronológica, atendendo pedidos de quem fez primeiro as solicitações.

A estimativa é que em cinco semanas os pedidos já estejam regularizados. Mas pode ser impactada as entregas dos novos pedidos. Normalmente o prazo para entrega do documento é de seis dias úteis, mas com esta situação é provável que as novas emissões s sejam entregues em 45 dias.

A casa da moeda tem condições de imprimir por dia a média de 15mil passaportes, até o momento da paralização a demanda diária era de 11mil.

 

Tipos de passaporte

Passaporte comum
Custo: R$ 257, 25
Emissão: até 45 dias úteis, segundo a Casa da Moeda; atendentes falam em até 120 dias Duração: 10 anos Quem pode pedir: qualquer cidadão brasileiro que não tenha problemas com o fisco, a Justiça, a Justiça Eleitoral ou o Exército

Passaporte ‘express’ (comum em caráter de urgência)
Custo: R$ 334,42 (R$ 77,17 são da ‘taxa de urgência’)
Emissão: até 4 dias úteis, segundo a PF; atendentes falam em 20 dias
Duração: 10 anos Quem pode pedir: qualquer pessoa com viagem marcada para os próximos 4 meses; é necessário levar as passagens para comprovação

Passaporte de emergência
Custo: R$ 334,42
Emissão: até 24 horas
Duração: 1 ano Pode ser pedido em caso de: catástrofes naturais, conflitos armados, motivos de saúde, necessidade do trabalho, ajuda humanitária, interesse da administração pública, entre outros (com necessidade de comprovação)

Como solicitar o passaporte comum
1. Preencha o formulário eletrônico de solicitação; ao final, será emitida a Guia de Recolhimento da União (GRU)
2. Pague a GRU antes da data de vencimento
3. Após a compensação do pagamento (que pode ocorrer em 2 a 3 dias), agende um atendimento presencial em um dos postos da PF que emitem passaporte
4. Compareça ao local no dia e horário agendados, com a documentação exigida, o boleto GRU e os comprovantes do pagamento e do agendamento

DOCUMENTOS EXIGIDOS – Identidade – CPF – Título de Eleitor e comprovantes de votação da última eleição – Passaporte anterior válido, se houver – Para homens, comprovante de quitação com o serviço militar – Para os naturalizados, certificado de naturalização

ONDE SOLICITAR Os passaportes comuns podem ser solicitados em unidades da PF de todo o pais.

.

Quer aprender a trabalhar com a internet e sem correr riscos? CLIQUE AQUI.