Farmacêutico – Como Validar diploma em Portugal

Há diversas áreas de atuação para os farmacêuticos, desde a elaboração da medicação em indústrias farmacêuticas até em desempenhar funções em hospitais públicos ou privados.

Por várias razões os profissionais brasileiros estão procurando Portugal para trabalhar e morar. Mas esta mudança exige alguns procedimentos, sendo que o primeiro deles deve ser a validação do diploma e posteriormente uma autorização de permanência em Portugal, este requisito é exigido para todos os profissionais formados em outros países que querem atuar em Portugal.

O processo de validação de diploma não é um procedimento que se realiza da noite para o dia, as faculdades tem prazos para receber os documentos. Depois de entregue, a análise documental é minuciosa, cada faculdade tem seus próprios prazos tanto para recebimento, quanto para a conclusão do processo.

Mas como um farmacêutico formado no Brasil poderá validar a sua profissão para trabalhar em Portugal? Elaboramos um passo-a-passo para que você consiga fazer a validação do seu diploma em Portugal.

1º Passo: Fazer a Equivalência do grau acadêmico superior português que permita a inscrição na Ordem

1 – Preencher o formulário disponibilizado online pela Casa da Moeda clique aqui para ver o formulário

2- Reunir os seguintes documentos, devidamente apostilados, no país de origem do Diploma.

  • Comprovante da titularidade do grau para o qual é requerida a equivalência;
  • Documento emitido pela entidade competente da universidade onde foi obtido o diploma, e onde constem as disciplinas onde obteve aprovação para obtenção do grau para o qual é requerida a equivalência;
  • Dois exemplares da dissertação ou de outros trabalhos que tenham sido apresentados para obtenção do grau para o qual é requerida a equivalência;
  • Dois exemplares do curriculum vitae até à obtenção do grau para o qual é requerida a equivalência.

Passo à passo para Morar em Portugal CLIQUE AQUI

3 – Entrar em contato com uma instituição de ensino superior que ministre cursos na mesma área, e entregar o formulário bem como os documentos autenticados, dirigindo-se ao Reitor da mesma.

No caso das Ciências Farmacêuticas, as universidades são:

2º Passo: Inscrição na Ordem dos Farmacêuticos

Após obter a equivalência do diploma, o estrangeiro está na mesma posição a um recém-formado português: tem o grau acadêmico, mas ainda não tem o título de Farmacêutico.

Para isso, é necessário dirigir-se a uma das secções da Ordem dos Farmacêuticos (Lisboa, Coimbra ou Porto), e entregar a seguinte documentação:

  • Cartão do Cidadão com respectivo número de contribuinte (documento de identificação português, obtido em repartições públicas chamadas Loja do Cidadão)
  • Duas fotos tipo passe
  • Formulário de Inscrição devidamente preenchido (é concedido no ato da inscrição)
  • Certificado de registo criminal (obtido nas Lojas do Cidadão)
  • Comprovativo de residência em território nacional (obtido nas Juntas de Freguesia)
  • Pagamento da Jóia de Inscrição (valor pago uma vez, aquando da inscrição, que não dispensa o pagamento das quotas trimestrais)

Após a inscrição, é emitido um cartão de identificação e comprovativo do título de Farmacêutico. O mesmo pressupõe o pagamento das já referidas quotas.

Além disso, é necessário que o farmacêutico obtenha créditos para revalidação da carteira, ou seja, é necessário fazer prova de que está vinculado à profissão para que o título se mantenha válido.

Salários e um farmacêutico

Salário Mínimo de Portugal: 557 Euros

O salário de um farmacêutico está entre 1250 e 2500 euros brutos, dependendo da categoria em que se encontra.

Caso tenha optado pela carreira de docência ou investigação, os valores são um pouco superiores: Média de 4000 euros




Já pensou em encontrar toda informação sobre Morar em Portugal num lugar só?

Conheça o GUIA Morar em Portugal

Morar em Portugal é um guia completo para quem deseja trabalhar, residir ou passear na terra de Cabral.

  1. Você vai ganhar tempo em ter que buscar todas as informações que estariam mastigadas na sua mão
  2. Você vai economizar dinheiro podendo fazer todas as questões burocráticas sem precisar de assessorias
  3. Vai ter acesso as experiências de outros brasileiros em Portugal
  4. Chegará em Portugal preparado sabendo tudo o que precisa.
  5. Terá acesso a um conteúdo atualizado constantemente ao invés de ficar procurando em páginas desatualizadas na internet
  6. Conteúdo digital com acesso em celular, tablet e computador para ler quando quiser a hora que quiser

Ao acessar o guia, você terá acesso as informações abaixo:

    1. Planejamento de moradia
    2. Emissão de passaporte comum
    3. Emissão de passaporte de emergência
    4. Quanto levar em dinheiro?
    5. Como escolher passagens aéreas?
    6. Como escolher hotel barato?
    7. Que documentos autenticar no Brasil?
    8. Documentos necessários para apresentar na Imigração
    9. Média de custos para os primeiros meses de moradia
    10. Despesas básicas
    11. Que documentos preciso ter para morar em Portugal?
    12. Onde morar?
    13. Como consigo vagas de emprego em Portugal para brasileiros?
    14. Matriculas escolares para filhos
    15. Como faço para me legalizar?
    16. Como tirar habilitação em Portugal?
    17. Comprando carro barato em Portugal
    18. Como estudar em uma universidade portuguesa?
    19. E muito mais!






Cadastre-se em nossa Lista

Patrícia Alves

Fundadora e proprietária do site Morar em Portugal. Mãe, esposa, web marketeer e imigrante em Portugal. Mora em Cascais com o marido e as filhas.Clique no ícone do Facebook para acessar meu perfil

Website: https://moraremportugal.com