/Visto de residência para aposentados ou titulares de rendimentos

Visto de residência para aposentados ou titulares de rendimentos

Reunimos algumas informações, do consulado de Portugal, sobre como solicitar residência em caso de Aposentados ou Titulares de Rendimentos. Fica ligado e não perde os detalhes de como é possível solicitar o seu visto de residência para estes casos.

A quem se aplica esse tipo de visto?

 

A aposentados ou titulares de rendimentos próprios que pretendam residir em Portugal. Estes poderão usufruir do estatuto de residentes não habituais e, assim, serem isentos de tributação relativa a esses rendimentos ou pensões obtidas fora de Portugal, desde que já tenham sido tributados em seu país de origem.

 

Como solicitar o visto de residência para aposentados ou titulares de rendimentos?

 

O pedido de visto de residência para aposentados ou titulares de rendimentos (bens móveis ou imóveis, da propriedade intelectual ou de aplicações financeiras) deve ser instruído com os seguintes documentos:

  1. Declaração do próprio:Declaração assinada pelo requerente, especificando o motivo do pedido de visto, o período que pretende permanecer em Portugal, o local de alojamento e indicação de referências em Portugal (nome, endereço e telefone de familiares e/ou amigos), se for o caso;
  1. Comprovativo dos meios de subsistência: Comprovante de rendimentos que possibilitem a residência em território nacional, assegurados por período não inferior a 12 meses, cuja prova deve ser feita pelos seguintes meios:

a) no caso de cidadão estrangeiro aposentado, através de documento comprovativo da aposentadoria, bem como da garantia do seu recebimento ou disponibilidade de outros rendimentos em Portugal;

b) em ambos os casos, apresentar a cópia da última declaração de imposto de renda, comprovando os bens móveis ou imóveis que possui, bem como da disponibilidade desses recursos em Portugal.

  1. Alojamento: Comprovativo de alojamento em Portugal. O alojamento pode ser comprovado através da apresentação de um dos seguintes itens:

a) Comprovativo de aquisição ou arrendamento de habitação em Portugal;

b) Carta convite feita por um cidadão que resida legalmente em Portugal, dizendo que irá hospedá-lo. Nesse caso, a declaração deverá vir acompanhada de fotocópia da identidade da pessoa que convida;

c) Comprovativo de reserva em hotel por um período mínimo de uma semana.

  1. Seguro médico internacional de viagem: Seguro médico internacional de viagem, válido pelo período que vai permanecer em Portugal. A apólice de seguro deve incluir a cobertura de repatriação por motivos médicos, necessidade urgente de atenção médica e tratamento hospitalar de emergência. O seguro de saúde privado pode ser substituído pelo PB4, caso o requerente seja beneficiário do INSS (para mais informações consultar o consulado português mais próximo);

 

  1. Atestado de antecedentes criminais: O atestado de antecedentes criminais brasileiro a ser apresentado é o emitido pelo site da Polícia Federal do Brasil (para mais informações consultar o consulado português mais próximo);

 

  1. Fotografias: Duas fotografias 3×4 coloridas e recentes.

 

  1. Passaporte:
    • Cópia simples do passaporte (somente páginas de identificação e das folhas usadas);
    • O passaporte deve ter validade superior a 3 (três) meses, finda a validade do visto;
    • Não envie ainda o passaporte original. Entregue-o ao funcionário somente quando for convocado;

  1. Autorização SEF: Autorização destinada ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras para consulta ao registo criminal português do requerente, exceto para menores de 16 anos (para mais informações consultar o consulado português mais próximo);

 

  1. Declaração: Declaração de ciência do fato de não dever viajar a Portugal sem o devido visto (para mais informações consultar o consulado português mais próximo);

 

  1. Declaração: Declaração do requerente concordando em receber o passaporte pelo correio em sua residência OU,se desejar retirar o visto nos Vice-Consulados de Curitiba ou Porto Alegre, deve preencher a respectiva solicitação (para mais informações consultar o consulado português mais próximo);

 

  1. Cópia simples da carteira de identidade:(RG para brasileiros e RNE para estrangeiro. Neste caso a validade tem que ser superior ao término do pedido do visto em 90 dias);

  1. Envelope: para devolução de documentos com os dados do requerente no destinatário (preferencialmente envelope Sedex de plástico)

 

13. Cópia do boleto bancário pago: Se casado(a), deve enviar cópia autenticada da certidão de casamento. Se tiver filhos, deve enviar cópias autenticadas das certidões de nascimento.

 

– Quando reunir todos os documentos acima (e somente nesse caso), deve acessar:

  1. Formulário de Pedido de Visto: para obtê-lo (consulte o consulado português mais próximo); Preencha-o integralmente e submeta o pedido. Receba o formulário preenchido e, então, o imprima e cole uma fotografia sua.  Atenção: no item 25 (duração da estadia), preencha 90 (noventa) dias. O prazo será alterado após a entrevista (do contrário gerará um erro).
  2. Requerimento: integralmente preenchido (ver final desta página);

Atenção: Se já reuniu todos os documentos necessários à instrução do seu pedido de visto, conheça as instruções de envio e os preços (para mais informações consultar o consulado português mais próximo);

► Como efetuar o pagamento?

 Atenção: Somente pague o boleto se tiver todos os documentos solicitados e se realmente for dar entrada no pedido. Depois de ser dada a entrada no pedido, não há possibilidade de reembolso de qualquer valor, seja por indeferimento, seja por desistência do requerente.

Ainda ficou com dúvidas? Quer saber mais detalhes sobre como funciona? Entre primeiramente em contato com o Consulado mais próximo, seja presencialmente, seja via telefone. Veja abaixo alguns telefones que talvez possam te ajudar:

 

Vice-Consulado de Portugal em Porto Alegre: (51) 3061-5767

Vice-Consulado de Portugal em Belém: (91) 3241-6666

Vice-Consulado de Portugal no Recife: (81) 3327-2073

Embaixada Portuguesa em Brasília: (61) 3032-9600

Consulado Geral de Portugal em São Paulo: (11) 3084-1800

Consulado Geral de Portugal no Rio de Janeiro: (21) 3861-6450

Consulado Geral de Portugal em Salvador: (71) 3341-0636 ou (71) 3021-2150

Consulado Geral de Portugal em Belo Horizonte: (31) 3614-4231

Observação: os consulados honorários são mais numerosos, e fazem a legalização de documentos. Porém, não é possível dar entrada em processos nestes consulados.

A burocracia parece assustadoramente grande no início, sim! Mas bem ao contrário do que pode parecer, pode demorar um pouco, mas logo as informações vão se encaixando e tudo fica pronto. Basta estar atento às informações, ir anotando tudo, criar um controle do que já estiver sendo feito e do que estiver por fazer, e comparecer às marcações SEMPRE no horário indicado e com os documentos solicitados.

 

Se ainda ficou com dúvidas e quer saber passo a passo como é possível Morar em Portugal, clique aqui neste link e saiba mais.

Visto de residência para aposentados ou titulares de rendimentos
5 (100%) 1 vote
By | 2018-05-08T18:58:50+00:00 Maio 8th, 2018|
Digite o que procura na lupa ao lado
error: Este conteúdo é protegido!