5 paraísos europeus onde se vive com 30 mil euros por ano (e um deles é português)

0
3999

O site International Living relata os 5 territórios no planeta onde os aposentados conseguem passar os seus dias em ambiente paradisíaco com menos de 30 mil euros anuais. Numa envolvente ao mesmo tempo pacífica, organizada e bela. A cidade do Porto faz parte da lista.

 

Porto (Portugal)

Relata o International Living que o Porto “oferece é uma conciliação encantadora entre o charme do Velho Mundo e o bem-estar do Primeiro Mundo, em um pacote extremamente de fácil acesso e atraente”. O centro da cidade é o lar de menos de 240 mil pessoas e “tem as percepções e afinidade de uma cidade pequena”.

Entretanto é também, salienta, uma próspera cidade internacional de negócios. É, portanto, “uma joia escondida, não sobrecarregada através das multidões de Lisboa e que escapou a grande quantidade de visitantes. da costa sul do país, repleta de majestosidade teatral e cultura vibrante”.

Restaurantes e cafés marcam participação indelével, com “a paisagem ribeirinha a garantir o cenário ideal para um passeio à noite. Parques elegantes, com fontes, estátuas e plantas exóticas, avenidas arborizadas e ruas de paralelepípedos repletas de prédios históricos, convidam a uma fácil exploração”.

À questão ‘quanto custa viver no Porto no decorrer de um mês?”, a resposta é: “um café custa pouco mais de um euro, frutas frescas também, e um almoço de três pratos para dois inserindo vinho num restaurante de preço médio custará apenas 17 euros”. É um exagero, há que reconhecer, mas o preço real não anda muito além. ”É espantosamente acessível morar no porto – um planejamento mensal de 1.400 euros para um casal” é considerável Contando que não tenha de pagar renda!

Aix-en-Provence, França

Provence é uma área ampla no centro da região dos Alpes-Provença-Côte d’Azur, no sudeste da França, que tem fronteira com a Itália e as águas cintilantes do Mar Mediterrâneo.

A segunda maior cidade da França, Marselha, é a capital, “mas os turistas tendem a aproximar-se de pequenas cidades populares, como Aix-en-Provence, pequena e romântica, de fontes e ruas medievais, que já foi a capital provençal”.

Extraordinária história e cultura, clima harmonioso excelente refeição e vinhos, atmosfera prazerosa. e, claro, as águas cintilantes do mar Mediterrâneo, são as marcas ou instituições descobertas pela International Living.

Com uma população de apenas 140 mil habitantes, Aix-en-Provence “é a natureza do estilo francês juntamente com o passado colorido, apanhado por artistas como Van Gogh, Matisse e Picasso”.

Quanto custa viver em Aix-en-Provence por um mês?” Tudo contabilizado, um casal pode usufruir de uma vasta reforma por 2.300 euros mensais.

Alicante, Espanha

Alicante é uma cidade portuária no sudeste da Costa Blanca. Com um pouco mais de 330 mil habitantes, Alicante proporciona “uma conciliação imbatível de vida confortável e prazerosa.

Há sempre algo para realizar numa cidade que tem dois ritmos distintos”: no verão, é potencialmente turística, mas “as coisas reduzem à proporção que o tempo fica mais frio e os visitantes. voltam para casa.

No entanto, o inverno é totalmente harmonioso e na grande parte dos dias o céu permanece azul cristalino e as extensas praias tornam-se o sítio perfeito para passear.

Quanto custa viver em Alicante por um mês? Como grande parte da Espanha, um casal pode viver bem em Alicante com dois mil euros por mês.

Basilicata, Itália

“A Itália é repleta de paisagens clássicas que apelam a todos os aspectos. Residir na Itália pode ser tão caro ou tão barato quanto se preferir tudo depende da localização e do modo de vida.

“Basilicata é uma joia rara escondida no ‘tornozelo da bota’, salpicada de vales verdes, florestas grandes, colinas e picos alpinos. Aninhada nos Apeninos, no sul da Itália, Basilicata é quase totalmente rodeada exceto em duas partes curtas de litoral.

Afagando-se até Puglia, Calábria e Campânia, é a parte mais eventualmente povoada do país”. Basilicata proporciona De acordo com a International Living, um modo de vida descontraído e harmonioso que pode ser acessíveis. onde todos são bem recebidos.

Quanto custa viver em Basilicata por um mês? Um planejamento mensal para um casal em Basilicata não precisa de ir além dos 1.400 euros.

Valletta, Malta

De quintas rurais a velhas cidades muralhadas e caminhos litorais “de retirar a respiração e a restaurantes peculiares e escondidos, a pequena nação insular de Malta tem um pouco de tudo para todos”.

Com apenas 122 quilômetros quadrados (a ilha), Valletta é uma cidade do século XVI, bem preservada, um popular destino turístico e uma agitada cidade portuária.

“No ápice do verão, as suas docas abrigam dois navios de cruzeiro por dia. A população de língua inglesa (um legado da colonização britânica) favorece a adaptabilidade dos norte-americanos à vida local”.

Valletta também é denominada por ser a capital mais fervente da Europa. Quanto custa viver em Valetta por um mês? Um casal vive tranquilamente com cerca de 2.300 euros.

Os valores supraditos são todos, evidentemente, da responsabilidade da International Living