Nunca desista! Homem sai na rua distribuindo currículo e recebe dezenas de ofertas

0
1194

Por vezes é necessário fazer algo extra para conseguir aquilo que se pretende e, por alguma razão, não se alcança quando se deseja.

Em uma altura em que Portugal tem a sua taxa de desemprego em níveis muito baixos, o mais baixo nos últimos dezasseis anos, é importante conhecer a história deste senhor que disse chega e tomou medidas radicais para conseguir uma oportunidade de trabalho. Relembramos que com o nosso passo a passo atualizado para morar em Portugal todo o processo vai se tornar simples.

Uma história de sacrifício que está inspirando milhões em todo o Mundo

Como garante o site “Isto É”, uma foto de um desenvolvedor de sistemas desempregado viralizou na Internet neste fim de semana. A imagem postada por um perfil no Twitter mostra o americano David Casarez parado no semáforo em Mountain View, na Califórnia, segurando um cartaz que explicava que ele estava desabrigado e não tinha trabalho.

Apesar de suas circunstâncias, ele não pedia dinheiro e, sim, que as pessoas levassem cópias de seu currículo. A iniciativa do rapaz resultou em uma enxurrada de ofertas de emprego.

Ver imagem no TwitterVer imagem no Twitter

Conheça um pouco a história de vida do jovem

Casarez contou ao canal NBC Bay Area que havia se mudado para o Vale do Silício em setembro passado, com três anos de experiência como desenvolvedor de software, com o objetivo de lançar uma startup. Esses sonhos desapareceram quando ele não planejou bem seus gastos com custo de vida na área nem antecipou dificuldades de encontrar trabalho.

Ele viveu em sua van até o veículo ser confiscado por ele não conseguir pagar seus impostos, passando a dormir em um banco de parque.

“Tudo o que eu queria era que uma pessoa notasse, pegasse meu currículo e me desse uma oportunidade”, disse ele à agência de notícias.

A situação é indicativa da crise habitacional a preço acessível que envolveu o Vale do Silício e a vizinha San Francisco.

Mesmo famílias de quatro pessoas que ganham US $ 117.400 por ano nos condados de San Francisco, Marin e San Mateo são consideradas “de baixa renda” e são elegíveis para programas habitacionais a preços acessíveis. É também por isso que grandes empresas de tecnologia, como Facebook e Google, procuraram construir casas para seus funcionários, que também enfrentam dificuldades com o custo de vida.

Se quiser viver nesse país maravilhoso, tenha suas dúvidas eliminadas e faça parte da nossa enorme equipe que com nosso curso atualizado entrou e se legalizou em Portugal, sabendo de tudo para tornar o processo rápido e simples.

Nunca desista! Homem sai na rua distribuindo currículo e recebe dezenas de ofertas
Rate this post