Morreu primeiro agente da Guardia Civil infetado pela Covid-19

0
3301
Compartilhe!

Pedro Alameda estava destacado em Madrid. O agente da Guardia Civil não tinha outras patologias.

edro Alameda, de 37 anos, é o primeiro agente da Guardia Civil espanhola a morrer por causa da pandemia ligada à Covid-19, diz o El Mundo.

O agente, que tinha uma filha de cinco anos, estava há vários dias internado em estado grave no centro hospitalar Quirón de Alcorcón, de acordo com o sindicato do qual fazia parte (Asociación Unificada de Guardias CivilesAUGC,  de Madrid).

“A família AUGC expressa desolação perante esta tragédia, que se une à de mais de 500 famílias em Espanha que perdeu um ente querido para esta pandemia. A única coisa que podemos fazer é mostrar todo o afeto e todo o apoio à família e aos chegados a Pedro”, indicou o sindicato.

A força policial espanhola também manifestou o seu pesar através das redes sociais.